apostas 5 mudanças de Crespo que ajudam a explicar começo fulminante do técnico no clube
publicidade

5 mudanças de Crespo que ajudam a explicar começo fulminante do técnico no clube

0 0 0
O São Paulo entra em campo nesta sexta-feira, às 20h (Brasília), para enfrentar o Santo André, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista. A equipe tricolor busca confirmar a boa fase e atingir a sua sexta vitória consecutiva na temporada.



Foram apenas nove jogos, com sete vitórias, um empate e uma derrota, mas Hernán Crespo até aqui tem recebido a confiança do torcedor, que espera quebrar o jejum de títulos que já dura nove anos.


LEIA TAMBÉM: Escalação do São Paulo: Pablo sente desconforto e não joga contra o Santo André


Mais do que isso, o argentino, que iniciou seu trabalho em 28 de fevereiro, há pouco menos de dois meses, mudou alguns aspectos do time em campo que empolgaram o torcedor e se mostraram efetivos até aqui.

O ESPN.com.br separou cinco fatores que Crespo modificou no time e podem explicar o bom início de trabalho do técnico argentino.

1 - A defesa
Possivelmente o setor mais criticado na 'era Fernando Diniz', a defesa com Crespo tem sido sólida. Na temporada 2020, o time sofreu 79 gols em 65 jogos, média de 1,22 por partida, a segunda pior das últimas 15 temporadas do Tricolor.

Com o argentino, o time passou a jogar na maioria das vezes com três zagueiros e levou apenas seis gols em nove partidas disputadas, sendo que não foi vazado nos jogos mais importantes até aqui: Palmeiras e Santos, no Paulista, e Sporting Cristal. na estreia da Conmebol Libertadores.

2 - Pablo
Contratação mais cara da história do clube (R$ 26,2 milhões), o atacante perder a titularidade para Luciano e Brenner, além de ser preterido até por Tréllez e Gonzalo Carneiro em 2020. Com Crespo no comando, parece ter recuperado o bom futebol e foi titular em 8 dos 9 jogos do argentino.

Mais do que isso, Pablo tem agradado por suas atuações e já marcou 3 gols em 2021, sendo dois em clássicos (Santos e Palmeiras).

3 - Daniel Alves na lateral
Desde que chegou ao São Paulo e vestiu a camisa 10, raras foram as vezes que Daniel Alves atuou em sua posição de origem e onde se tornou um dos melhores do mundo, na lateral direita. Com Diniz, isso foi praticamente inexistente, exceto por situações específicas em poucos jogos.

Por necessidade, Crespo colocou o veterano de 37 anos como ala no 3-5-2 nas duas últimas partidas, contra Palmeiras e Sporting Cristal, já que Igor Vinícius e Orejuela estão lesionados. E Daniel Alves correspondeu, tendo um roubo de bola e assistência contra o Alviverde e com uma atuação segura na estreia da Libertadores.

4 - Postura
Se com Fernando Diniz o time era mais conservador na hora de recuperar a bola, com Crespo o que se vê em campo são 90 minutos incessantes de marcação em busca da posse de bola quando ela está nos pés dos adversários.

O time de Crespo "morde" mais o rival do que antes. Em 9 jogos em 2021, o São Paulo está com uma média de 51,6 bolas recuperadas, de acordo com dados do Trumedia - a ferramenta de estatísticas avançadas de futebol da ESPN. Na temporada anterior, a média era de 46,7.

Além disso, o São Paulo teve êxito em 53,4% dos botes que deu em 2021, contra 41,6% em 2020, segundo dados do Trumedia.

5 - Rodagem do elenco
Diniz apostava na repetição e tinha quase sempre escalava os mesmos 11 titulares, mesmo com o incessante calendário apertado pela pandemia. Na hora de recorrer ao banco, quase sempre eram os mesmos jogadores utilizados também.

É fato que Crespo recebeu mais reforços, como Benítez, Orejuela, Éder e Miranda, mas o argentino tem rodado mais o elenco. Parte disso também por necessidade, já que o São Paulo encarou sequências com partidas a cada dois dias.



Se na temporada 2020 o time usou 37 jogadores diferentes, em 2021 já utilizou 30, com Crespo mudando o esquema tático, além de dar chances para garotos da base como Rodrigo Nestor, Rodrigo Freitas, Talles Costa e Galeano.

VEJA TAMBÉM: Sextou com S de São Paulo na Semifinal! Veja os melhores momentos de SPFX 4 X 2 Ferroviária

CONFIRA: Brilhante na noite, Benítez afirma: Eu tô aqui pra ajudar!














Avalie esta notícia: 88 0

Comentários (17)

23/04/2021 18:08:24 Lucilene Vivan

Vamos São Paulo

bronze
23/04/2021 15:03:36 Hatsune

O item 4 é o mais improtante, sem dúvidas.
O time está mais aguerrido, marca bastante, chega junto. Com o Diniz, víamos a marcação alta, mas não tinha a intensidade que vemos hoje.
No jogo contra o Palmeiras, por exemplo, o time estava marcando lá em cima em plenos 42 do segundo tempo.
De ver os jogadores correndo desta forma, com essa raça, já nos enche os olhos.
Que mantenha essa pegada!

23/04/2021 13:29:06 Samuel Vilar

Alviverde é meus eggs. Palmeiras ou porcada.

23/04/2021 13:19:01 Yoichiro Ichijo

5 mudança 1- Saida do Leco,Passaro Rai e Diniz,2- Saida do DaniAlves do meio campo, 3- Chegada do Muricy e Crespo 4- Volta do bom e velho 3-5-2 5- Utilizacao maior da molecada de cotia!!!

23/04/2021 11:50:45 José Adelson

Só do Crespo ter colocado o Dani Tam tam na Lateral, ja ganhou o meu Respeito

bronze
23/04/2021 11:39:54 regulation

Uma das diferenças mais evidentes para quem observa o jogo taticamente é que o time não fica cheio de dedos pra fazer falta.

É uma falta atrás da outra, mata a jogada antes que ela se complique.

Ainda tem um pouco de enrolação entre os zagueiros, mas já dá pra ver que não tem mais aquela insistência de querer sair jogando a qualquer custo também.

23/04/2021 11:03:20 Sergio Gandini

Crespo deu padrão de jogo, armou o esquema tático correto para o nivel de jogadores existente. Substitui na hora certa com o jogador certo, dando oportunidades para as jóias do clube. Hoje da gosto de ver o time jogar, Crespo entusiasmou os jogadores e a torcida que sofria na mão do Diniz que só fazia merda. Parabéns pela diretoria que acertou em cheio com a vinda do Crespo.

23/04/2021 10:57:17 Sergio Gandini

Não se compara o psicólogo Dinizm Crespo, Daniel na direita e Reinaldo na esquerda adiantados modificou todo sistema de ataque do time, Crespo da aula para Diniz de como 3scalar o time, no esquema tatico

23/04/2021 10:52:15 Sergio Gandini

Bom pra inicio de conversa Dinizismo não era técnico, só fez merda, perdendo as 05 competições das quais participou, gerando um enorme prejuízo para o clube. Já na era Crespo da gosto ver o time jogar, time aguerrido, com fome de gols, adequando os jogadores em suas posições com um futebol diferenciado dos adversários, aliás l9go os outros times vão copiar o esquema do Crespo. Diniz nunca mais.

23/04/2021 10:50:55 Fábio Marques

Rodrigo n eh nem d longe diferenciado, bem comum, Diego Costa n sei oq houve, mas testa ele d volante, ouvi dizer q era sua posiçao d origem antes d ser zagueiro na base...

23/04/2021 10:34:33 Gedeir Machado

Alguém viu Crespo com cara de choro? Parece aqueles técnicos da Champions League!!!!

bronze
23/04/2021 10:34:07 2015_spfc

SEGUNDA PIOR DEFESA EM 15 TEMPORADAS = FERNANDO DINIZ

Possivelmente o setor mais criticado na ''era Fernando Diniz'', a defesa com Crespo tem sido sólida. Na temporada 2020, o time sofreu 79 gols em 65 jogos, média de 1,22 por partida, a segunda pior das últimas 15 temporadas do Tricolor.

23/04/2021 10:28:41 Julio Cezar

Tudo depende do estilo de jogo, e com essa qtde de troca que pode ser feito e com uma boa leitura de jogo( que o Crespo esta fazendo Muito Bem) ele consegue manter o mesmo ritmo sempre. Basta o Pablo saber usar isso a seu favor tbem. Ta certo o Crespo dar rodangem para TODOS. Sabio e nao tem jogador de estimaçao.

bronze
23/04/2021 10:26:34 2015_spfc

Do jeito que as dinizetes da imprensa falam, parece que o Crespo recebeu um time completo de reforço e todos já estão atuando. Foram 4 que nem atuam regularmente.

A maior parte continua sendo o mesmo elenco, as mesmas peças esquecidas lá no sub-20, o argentino está fazendo até as porcarias jogarem bem (ex: Igor Vinícius).

O que mudou para valer mesmo FOI A ORGANIZAÇÃO. Que inexistiu nos quase últimos 2 anos!

23/04/2021 10:24:02 Irineu Supino

Ta correndo marcando mordendo ta mostrando vontade de recuperar o tpo perdido acho que vai deslanchar .

23/04/2021 09:59:55 Denis Abreu

Pablo é um jogador bom só falta confiança pra deslanchar de vez..

23/04/2021 09:40:55 RobertRedford

Pablo, não acho um bom jogador, mas se esforça, foi dele o gol contra o Palmeiras.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.
  • publicidade
  • + Comentadas Fórum

  • publicidade
  • Fórum

  • Próximo jogo - Paulista

    Sáb - 21:00 - -
    São Paulo
    São Paulo
    Mirassol
    Mirassol

    Último jogo - Paulista

    Sex - 21:30 - Morumbí
    images/icon-spfc.png
    São Paulo
    4 2
    X
    Ferroviária
    Ferroviária
    Calendário Completo
  • publicidade
  • + Lidas

  • publicidade
  • Untitled Document
    Classificação
    P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
    Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
    vitoria empate derrota
15/05/2021 17:54:54