publicidade

Calleri rebate questões psicológicas após gol em vitória do São Paulo e responde sobre ser considerado ídolo

Responsável pelo gol da vitória do São Paulo no jogo de ida contra o Flamengo, Calleri respondeu sobre algumas polêmicas que surgiram nas últimas semanas sobre sua questão psicológica.

Há alguns dias, uma entrevista com o argentino viralizou. O camisa 9 do São Paulo , durante sua fala, relembrou um momento onde afirmou ter se sentido 'sozinho'. No caso, no clássico mais recente contra o Santos, no qual o argentino marcou dois gols.

- Chegar na minha casa e estar sozinho e me sentir sozinho, e não me importava a figura que havia sido há três horas. Não me importava o que os jornais falavam sobre o “Calleri fazer dois gols em clássico outra vez” - disse em entrevista ao canal do Youtube “Botines Sensibles”.

Alguns torcedores, nas redes sociais, chegaram a associar o período de jejum de gols que o atleta estava enfrentando com esta questão, inclusive chegando a deduzir que teria algo a ver com um término recente de relacionamento que o jogador enfrentou. Após a vitória contra o Flamengo no domingo (17), Calleri rebateu estas polêmicas e destacou que está bem, que esta fala em questão foi algo somente daquele momento.

- Não estou passando um momento ruim. Dei a entrevista e falei que me sentia sozinho por outra causa, mas é que estava triste. Minha felicidade é jogar futebol. Obviamente quem tem problemas pessoais sérios precisa tratar e precisam de ajuda como todo jogador. Jogador sempre tem fase boa e fase ruim, mas é parte da vida. Muitas pessoas têm problemas e não estou isento disso. Estou feliz, bem, sou feliz de representar essa camisa e quero ser campeão - disse.

+ Já pensou em ser um gestor de futebol? Participe da nossa Masterclass com Felipe Ximenes e descubra oportunidades

Um dos maiores estrangeiros da história do São Paulo, Calleri marcou seu primeiro gol em uma Copa do Brasil nesta final. Ao ser indagado sobre o fato de alguns torcedores o considerar como 'ídolo', o camisa 9 rebateu e disse que ainda 'precisa capri24)'.

- Ídolo é muito forte, Rogério é ídolo. Precisa caprichar um pouco mais, ter os pés no chão e tentar ganhar domingo outra vez. Vou ter momentos bons, momentos não tão bons, mas eu sou um cara que deixo a vida por essa camisa. Pessoal pode me querer, tem gente nas redes sociais que não me quer, mas sou um cara que sempre deixa a vida e graças a essas pessoas que me apoiaram desde o primeiro momento eu pude fazer o gol da Copa do Brasil - completou.

Com o cabelo descolorido, Calleri encarou o novo visual como um sinal de sorte. Para a decisão que o aguarda no final de semana, deu a letra: vai manter o novo cabelo.

- Vou manter, agora não posso tirar. Queria mudar, muito jogador muda. Foi só isso - concluiu.


VEJA TAMBÉM
- Crespo quer voltar mas faz pedido a direção do São Paulo
- Assista a coletiva de Thiago Carpini após a partida contra o Fortaleza
- São Paulo perde para o Fortaleza e aumenta pressão sobre Carpini.


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 27 0

Comentários (2)
18/09/2023 22:22:55 JPKBrasil

Falou tudo ... Orgulho!!! Um cara inteligente e sábio pela idade que tem. Obrigado Calleri por honrar essa camisa.

18/09/2023 19:24:07 Renato Adrian

grande jogador .....orgulho do Calleri

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.
  • publicidade
  • publicidade
  • + Comentadas Fórum

  • publicidade
  • Fórum

  • Próximo jogo - Brasileiro

    Qua - 21:30 - -
    Flamengo
    Flamengo
    São Paulo
    São Paulo

    Último jogo - Brasileiro

    Sáb - 21:00 - MorumBIS
    images/icon-spfc.png
    São Paulo
    1 2
    X
    Fortaleza EC
    Fortaleza EC
    Calendário Completo
  • publicidade
  • + Lidas

  • publicidade