São Paulo volta a sorrir no Morumbi: 3 a 0 no Oeste
publicidade

São Paulo volta a sorrir no Morumbi: 3 a 0 no Oeste

0 0 0


Após dois empates consecutivos em casa, o São Paulo voltou a vencer no Morumbi. A vítima foi o Oeste, que perdeu por 3 a 0 para o Tricolor na noite desta quinta-feira, no complemento da décima rodada do Campeonato Paulista.

Com isso, a equipe de Muricy melhora um pouco seu desempenho como mandante na temporada. Agora, contando a Libertadores e o Estadual, são três vitórias, três empates e uma derrota no Morumbi. Além disso, mantém a terceira colocação do Paulistão, com 24 pontos. Já o Oeste, com a derrota, permaneceu com 11, em 12º.

O resultado também dá tranquilidade para o Tricolor antes de dois desafios complicados. O primeiro é o clássico contra o Santos, domingo, na Vila Belmiro, pelo Estadual. Em seguida, na quinta-feira, o adversário será o América-COL, em Cali, pela segunda rodada do grupo 4 da Libertadores.

O jogo: O São Paulo iniciou a partida pressionando pelas laterais. Da direita, Hernanes cruzou e Weverton teve que mergulhar para tirar de soco. Em seguida, Júnior César tabelou com Jorge Wagner pela esquerda e jogou na área: Hernanes, por muito pouco, não desviou para as redes.

A pressão continuou e empolgou Washington, que tentou acertar uma bicicleta e furou feio. Já aos 11 minutos, Borges arriscou de longe e Weverton bateu roupa, mas conseguiu jogar para a linha de fundo. O goleiro do time de Itápolis teve que trabalhar de novo aos 20, desta vez para salvar bela cabeçada de André Dias após cobrança de escanteio de Hernanes.

O Oeste respondeu da mesma moeda pouco depois. Dezinho cobrou escanteio e Nei Paraíba subiu sozinho, só que cabeceou por cima do gol de Rogério Ceni, que voltou à meta são-paulina após cinco jogos afastado por conta de uma lesão muscular.

O Tricolor seguia com o domínio do jogo, mas agora atacava com lentidão e começava a esgotar a paciência da torcida. Até que brilhou a estrela do artilheiro: aos 37 minutos, Jean fez bela jogada e achou Washington. O Coração Valente girou e bateu rasteiro, no canto esquerdo de Weverton para abrir o placar.

Já no fim da etapa inicial, Nei Paraíba tentou desviar de carrinho cruzamento da direita, mas a bola saiu à esquerda de Rogério Ceni, que resumiu bem o primeiro tempo ao deixar o gramado para o intervalo.

"O jogo está chato, eles estão todos fechados e nós não temos por onde criar. Não somos um time veloz, usamos mais a força e está difícil. Ainda bem que saiu o gol no final, porque agora eles terão que sair mais", analisou o capitão.

Mais dois: O São Paulo voltou o mesmo e o Oeste com uma modificação: Mirandinha entrou na vaga de Nei Paraíba. E foi da novidade do time do interior a primeira chance de perigo na etapa final: aos sete minutos, ele fez bela jogada individual pela esquerda e bateu na rede pelo lado de fora.

Mas, mesmo em desvantagem, o Oeste continuou sendo dominado pelo Tricolor, que logo passou a desperdiçar chances de ampliar. Aos 14 minutos, Hernanes arrancou pela direita e chutou cruzado: Weverton fez grande defesa. Já aos 17, Borges limpou o marcador na entrada da área e acertou a trave.

Depois foi a vez de Washington perder dois gols. Na primeira, cabeceou com força, mas parou em outra boa defesa do goleiro dos visitantes. Logo em seguida, após cruzamento da direita, aproveitou cochilo da zaga e se esticou todo, sem conseguir desviar para as redes.

O Oeste deu um susto aos 23 minutos: Dedê bateu escanteio e o zagueiro Dezinho só não marcou graças a Rogério Ceni, que voou e fez excelente defesa no canto esquerdo. Nada que abalasse o Tricolor, que quase aumentou minutos depois. Borges subiu mais que a zaga e, de novo, acertou a trave.

Aos 27 minutos, não teve jeito. Hernanes bateu falta no capricho da direita e André Dias cabeceou no canto esquerdo: 2 a 0. Borges não desistiu e quase deixou o seu: ele avançou em velocidade pela direita, mas bateu para fora.

Muricy, então, decidiu mexer no time, colocando Hugo e Renato Silva nas vagas de Washington e Júnior César respectivamente. Luizinho, que também entrou no jogo antes, chegou a dar trabalho para a defesa são-paulina, mas logo o Tricolor retomou o domínio.

Aos 37 minutos, Borges tentou novamente, mas Weverton apareceu bem outra vez. Aos 42, porém, Hernanes recebeu lindo passe de calcanhar de Jean e, de dentro da área, acertou o canto direito para fechar o placar: 3 a 0 e festa da torcida no Morumbi.
VEJA: São Paulo demite Romildo Lopes analista de desempenho do clube


E MAIS: Apesar das críticas, Nenê é aposta de Cuca para reverter resultados


SPFC ÚLTIMAS NOTÍCIAS: ANTONY NA EUROPA?; MORUMBI; FASE DE HERNANES E PATO! - IGOR SOUZA









Avalie esta notícia: 4 6

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.