publicidade

Renda de R$ 1 milhão no Allianz Parque causa impasse entre Água Santa e São Paulo; entenda

Clube de Diadema ainda não recebeu os 50% a que tem direito; Tricolor alega questões burocráticas e aguarda a totalidade da renda para fazer o repasse

A renda dividida da partida de quartas de final do Paulistão entre São Paulo e Água Santa, ocorrida no Allianz Parque, criou um impasse nos bastidores. O clube do Morumbi, por regulamento, deve repassar R$ 1.008.989,34 ao finalista do estadual; ou seja, 50% da renda líquida do duelo que terminou com a eliminação precoce são-paulina nos pênaltis.



De acordo com fontes ligadas ao Água Santa, o São Paulo ainda não fez esse repasse, mas alegou que está no “prazo legal” estabelecido para transferir o valor cheio da metade da renda do duelo disputado no último dia 13, na casa do Palmeiras.


LEIA TAMBÉM: Zagueiro do Flamengo é oferecido ao São Paulo


O São Paulo diz que a transferência para o Água Santa será feita assim que o Tricolor receber a totalidade da renda, como explicou o diretor financeiro Sergio Pimenta.

– Não existe atraso no repasse. O São Paulo, como forma de atrair mais torcedores aos jogos, comercializa os ingressos com a opção de pagamento via cartão de crédito, o que representa a grande maioria da receita. O clube honrou com os custos e taxas do jogo e aguarda o repasse das vendas via cartão de crédito, que acontece 25 a 30 dias após o evento, para então repassar a parte do saldo líquido pertencente ao Água Santa, cuja diretoria fora avisada preteritamente – comentou.

Procurado também pela reportagem, o Água Santa não respondeu aos questionamentos.

No clube de Diadema, até pela boa relação com a diretoria são-paulina, não existe o temor de um calote desta renda, que serviria como pagamento também do “bicho” pela campanha no Paulistão.

Consultada, a Federação Paulista de Futebol (FPF) diz que não há uma data específica no regulamento de limite para o repasse, e que depende do alinhamento entre os clubes.

O Água Santa eliminou o São Paulo de maneira surpreendente, como visitante, e deu mais um passo na histórica campanha na última segunda-feira. Como mandante, na Vila Belmiro, derrotou o Bragantino nos pênaltis e se classificou pela primeira vez para a decisão do Paulistão.



Na final, o time de Diadema encara o Palmeiras, ainda em datas a serem estabelecidas pela Federação Paulista de Futebol.

Renda, Allianz Parque, Água Santa, São Paulo

VEJA TAMBÉM
- Zubeldía reforça torcida por renovação de lateral do São Paulo
- São Paulo fez uma sondagem por Luciano Vietto, afirma imprensa argentina
- São Paulo avança às oitavas com vitória sobre Águia-PA graças a Lucas


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 6 11

Comentários (1)
22/03/2023 16:49:01 Renato7

se somos os mandantes, não entendi pq o adversário tem direito a 50% da renda.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.