publicidade

Jejum dos atacantes são-paulinos não preocupa Muricy

Técnico afirma que importante é fazer gol, não importa a posição

Questionado sobre o mau desempenho de seus atacantes nas últimas partidas, Muricy Ramalho deixou claro que o jejum de gols dos jogadores de frente não preocupa.

- O que me preocupa é quando não sai o gol. Para mim, se o Rogério fizer o gol está bom, se o Marco Aurélio (Cunha, superintendente de futebol) fizer o gol está bom. Não interessa quem faz o gol, eu quero é ganhar o jogo - afirmou

Questionado sobre as últimas três vitórias da equipe - todas decididas por jogadores de defesa e meio-de-campo - Muricy respondeu com bom humor:

- Hoje em dia zagueiro pode fazer gol. Vale, normalmente. O regulamento deixa - respondeu, com ironia.

Muricy também falou que gostaria muito de contar com um artilheiro na equipe, mas, como não tem, se vira como pode.

- Sempre é bom ter um grande artilheiro no elenco. Nós não temos e faz falta. Mas eu respeito muito as características dos jogadores. Se não tenho um artilheiro nato, vou trabalhar do meio para a frente, para todo mundo se aproximar da área adversária - finalizou.

VEJA TAMBÉM
- Meia argentino é oferecido ao São Paulo e tem preferência declarada
- Calleri e Rafinha processam empresa dona do jogo FIFA
- Zubeldía reforça torcida por renovação de lateral do São Paulo


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 14 12

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.