Rogério Ceni marca o centésimo e acaba com o Corinthians
Últimas Notícias

Rogério Ceni marca o centésimo e acaba com o Corinthians

Tabu? Goleiro nem tomou conhecimento e fez a festa na vitória são-paulina por 2 a 1, na Arena Barueri

0 0 0 0








Um momento único da vida de uma pessoa. Não foi só quem esteve neste domingo à tarde na Arena Barueri que se emocionou. O Brasil inteiro se emocionou. O mundo se ajoelha novamente aos pés dele. Um mito de toda uma geração. Capaz de fazer qualquer um chorar de emoção.

Não há palavras que esteja à sua altura neste momento. Rogério Ceni é Rogério Ceni. Os outros são os outros. Um goleiro capaz de marcar 100 gols na carreira. Por um mesmo clube, já disputou 965 partidas. A desta domingo foi mais que especial. Ele acabou com o Corinthians. Acabou com o tabu. Acabou com tudo.

Com um golaço de falta, Rogério Ceni marcou seu centésimo gol e ajudou o São Paulo vencer o rival por 2 a 1. Dagoberto também deixou o seu. Pode explodir de felicidade torcedor são-paulino. Hoje é o dia de vocês. Enquanto isso, eles...

GOLAÇO DO ARTILHEIRO

Ainda sem poder contar com o garoto Lucas, que está com a Seleção Brasileira, o técnico Paulo César Carpegiani promoveu a entrada do volante Rodrigo Souto na equipe. O camisa 18 jogou ao lado de Carlinhos e Jean no meio de campo. Rhodolfo atuou pela lateral direita, enquanto Ilsinho aberto no ataque.

É bem verdade que o Tricolor demorou para se encontrar em campo. Por alguns minutos, a equipe não teve a posse de bola e foi pressionada pelo Corinthians. Faltava principalmente uma boa saída de jogo. Após equilibrar o jogo, o São Paulo começou a ameaçar o rival, com chutes de fora da área.

E quando a fase é boa, não tem jeito. Aos 39 minutos, Ilsinho tocou para Dagoberto, que soltou uma bomba de longe para inaugurar o marcador na Arena Barueri. Mais um gol do artilheiro são-paulino na temporada. O placar poderia ter sido ampliado com Fernandinho, mas o camisa 12, sozinho, chutou de direita para fora.

UM MITO CENTENÁRIO

O segundo tempo foi dele. Rogério Ceni. Aos oito minutos, o país inteiro parou para ver sua cobrança de falta. E ele não iria decepcionar. Colocou na gaveta e correu para os braços da torcida são-paulina. O centésimo de um grande goleiro. Fogos na Arena, fogos em cada canto do Brasil.

Minutos depois, Dentinho ainda diminuiu para o Corinthians. Dagoberto e Alessandro foram expulsos. Capítulos de uma história que todos já sabiam o final. O dia era dele. O jogo terminou naquele momento. O resto foi festa. Comemore, torcedor são-paulino. Na arquibancada, a torcida gritou: "Nosso freguês voltou". Gritem, gritem! Hoje é dia!

COPA DO BRASIL

O elenco são-paulino se reapresentará nesta segunda-feira à tarde, no CT da Barra Funda. Na terça, a delegação viajará para Recife, onde o São Paulo enfrentará o Santa Cruz na quarta-feira pela Copa do Brasil. Confronto que deverá ter o retorno de Lucas, que disputou o amistoso contra a Escócia, em Londres.
Avalie esta notícia: 13 4

Comentários (2)

28/3/2011 15:13:55 goldomineiro

Campanha fica Ilsinho,joga demais.

28/3/2011 15:13:25 goldomineiro

No ano do centenada dos gambá,quem comemora é o Mito.
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk é 100 porra!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.