Lista: veja dez garotos com potencial para se afirmarem no Brasileirão 2018

Lista: veja dez garotos com potencial para se afirmarem no Brasileirão 2018

Série A é possibilidade concreta de afirmação para nomes como Liziero, do São Paulo, e Emerson, recém-contratado pelo Atlético-MG junto à Ponte Preta após o Paulistão

0 0 0 0
Se o Brasileirão 2017 representou o surgimento de Paulinho e Vinícius Júnior, além da afirmação de nomes como Maycon e Guilherme Arana, o de 2018 chega para servir como um teste maior a garotos como Rodrygo, autor do segundo gol do Santos contra o Ceará na primeira rodada. Mas há também nomes talentosos como Liziero, Lincoln, Bruno Guimarães e alguns outros espalhados pelos 20 times da competição, que ainda buscam afirmação durante o torneio.

Confira quem pode surpreender, na opinião do blog:



Bruno Guimarães (Atlético-PR)

Autor de um gol na vitória por 3 a 0 sobre o Newell's Old Boys, Bruno Guimarães vem ganhando cada vez mais espaço com Fernando Diniz no Furacão. Exibe em campo uma combinação de força, técnica e velocidade, e chega muito bem ao ataque.

Emerson (Atlético-MG)

Titular da Ponte Preta no Paulistão, Emerson chega ao Galo para ocupar um espaço deixado por Marcos Rocha na lateral direita. Forte fisicamente e dono de um bom cruzamento, é cotado também para a seleção sub-20 e a mudança para um nível maior o ajudará, em tese, a evoluir.

Marco Antônio (Bahia)

O meia, comprado junto à Desportiva Paraense após grande Copinha em 2016, teve menos protagonismo que Júnior Brumado na equipe, é verdade, mas mostrou muita qualidade, sobretudo na final do Campeonato Baiano, no primeiro jogo contra o Vitória. Aos 20 anos, tem tudo para explodir.

Jonathan (Botafogo)

Ele ainda não está nos profissionais, mas já tem potencial para estar. Dono de um excelente cruzamento, muita velocidade e ótimo passe, Jonathan está emprestado para o Alvinegro pelo Nova Iguaçu e integra o time sub-20, mas tem totais condições de assumir, no momento, a reserva de Moisés, que vive boa fase.

Léo Santos (Corinthians)

Se Mateus Vital e Pedrinho já entram com frequência na equipe, o mesmo não se pode dizer de Léo Santos, o bom zagueiro que está sem oportunidades no time comandado por Fábio Carille, e que tem totais condições de evoluir nos próximos meses. Ou anos. Sobra qualidade técnica e boa personalidade para quem já fez até gol nos profissionais, apesar de ter só 19 anos.

Lincoln (Flamengo)

O companheiro de Vinícius Júnior na base surge como opção em um ataque que terá Paolo Guerrero na Copa do Mundo e apenas Henrique Dourado à disposição. Terá, em alguns momentos, tempo para se desenvolver e aparecer um pouco mais nos profissionais, e mostrar em campo a inteligência que chamou a atenção do técnico Tite.

Caio (Fluminense)

O volante, que chegou a fazer um gol pelos profissionais do Fluminense no início do ano, é titular absoluto dos juniores e tem a força física como carro chefe do seu futebol. Pode atuar como zagueiro, mas tem boa chegada no ataque.

Guilherme Guedes (Grêmio)

Lateral-esquerdo nascido em 1999, Guilherme Guedes chegou a ter chances nos profissionais do Grêmio no Gauchão. Não engrenou, é verdade, mas tem potencial e algumas passagens por seleções de base. É um nome cotado para disputar o próximo Sul-Americano Sub-20.

Igor Liziero (São Paulo)

Melhor jogador da última Copa São Paulo, Liziero já ganhou a posição no time e tem tudo para crescer de vez no Brasileirão como um volante/meia que acha passes verticais precisos e lê muito bem o jogo.

Yuri Alberto (Santos)

Se Rodrygo já estreou com gol contra o Ceará, Yuri Alberto, seu companheiro de ataque nos juvenis, ainda busca uma chance de se firmar de vez nos profissionais do Santos. Certamente irá compor elenco no Brasileirão e terá oportunidades para isso, embora a concorrência com Gabigol, ídolo do time, seja pesada.

Ricardo Graça (Vasco)

O zagueiro, que não chegou a entrar em campo no Brasileirão do ano passado, fez um bom início de ano quando entrou na fogueira na Pré-Libertadores. Foi barrado após o 4 a 0 sofrido contra o Jorge Wilstermann na Bolívia, mas entrou bem quando solicitado depois. Tem potencial para recuperar a vaga no campo nos próximos meses.
Avalie esta notícia: 5 2

Comentários (2)

16/04/2018 13:39:03 milturion

É bom que ninguém conhece o Helinho e o Toró.....final do ano quero ver esta matéria de novo

16/04/2018 12:53:49 Pedro Gregorio

jisuis. quanto perna de pau nessa lista.
pessoal inventa cada uma, puxando a sardinha sempre pro lado dos cariocas...
sendo que tem jogador em outros centros que já são titulares e jogando bem.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.