publicidade

Veja como aposta de Rogério Ceni no SP vai virar reforço do rival

0 0 0
Léo Natel, atacante revelado pelo São Paulo (Imagem: Marcello Zambrana/AGIF)

Nesta quarta-feira (1), o Corinthians deve assinar contrato de quatro temporadas com o atacante Léo Natel, de 23 anos. Formado nas categorias de base do São Paulo, o jogador era considerado uma das apostas do ex-goleiro Rogério Ceni. No entanto, no Tricolor paulista o atacante não chegou a ter uma sequência e acabou sendo emprestado para alguns clubes. Agora, após o término de seu vínculo com o time do Morumbi, ele ficou livre para fechar com o Alvinegro sem que houvesse qualquer tipo de compensação financeira.



Antes disso, os representantes do jogador e o São Paulo até chegaram a discutir outras possibilidades de transferência. Propostas do exterior surgiram na mesa, mas não se chegou a um acordo. No segundo semestre do ano passado, ele retornou ao Tricolor após o empréstimo para o Apoel, do Chipre, com opção de compra por 2,5 milhões de euros.



LEIA TAMBÉM: Léo Natel dá adeus ao São Paulo e vai jogar no Corinthians


Sem ser utilizado pelo time de Fernando Diniz, Natel treinou em horários alternativos e o interesse do Corinthians surgiu. Os alvinegros até tentaram negociar com o São Paulo a liberação antecipada do atacante — uma possibilidade era a manutenção de parte dos direitos do atleta. Mais uma vez sem acordo, o jogador assinou um pré-contrato com os corintianos para iniciar a sua nova trajetória quando terminasse o vínculo com os tricolores.

O Corinthians vai ficar com 70% dos direitos do jogador, sendo que 30% serão do próprio atacante. A expectativa é de que ele se apresente já nesta quarta-feira para integrar o elenco alvinegro.

Além de defender o Apoel, Léo Natel vestiu a camisa do Fortaleza. O jogador foi um dos reforços solicitados por Rogério Ceni, quando assumiu a equipe cearense. Lá teve bom desempenho até ser cedido ao Apoel.



No São Paulo, ele também chegou a participar do elenco profissional quando o ex-goleiro era o treinador da equipe principal, em 2017. Pelo time cearense, ele disputou 13 partidas e marcou dois gols no campeonato estadual.

Antes de chegar ao Tricolor, ele passou pela base do Benfica, de Portugal. Para contar com jogador, em 2016, o São Paulo havia desembolsado R$ 500 mil por 70% dos direitos econômicos.

São Paulo, Aposta, Rogério Ceni, Reforço, Rival, SPFC

CONFIRA: Falta pouco: Paulista já tem data de previsão de retorno ainda este mês!

VEJA: Por paralisação, Diniz está no comando do SPFC há mais tempo que muitos treinadores


Luan e Liziero entram na lista de vendas, Paulistão volta em Julho, CBF X DORIA, recorde de Diniz


Avalie esta notícia: 1 0

Comentários (5)

29/06/2020 17:47:52 Odair Lanzoni

Sai fedô.De bom só o sovrenome.

29/06/2020 15:13:09 Regiane Moya

Não ê nada disto... foi tarde!

29/06/2020 14:21:25 Fabricio Santos

Eita diretoria burro: Teve proposta do exterior, e não negociou. Corinthians tentou negociar pra levar o jogador antes do encerramento do contrato, e o São Paulo não aceitou. Agora levaram ele de graça. ???????

29/06/2020 14:13:02 André Costa

Natho, E o Gilberto está no Barcelona hj? Jogar muito limitado.

29/06/2020 13:53:45 Natho Pereira

Rogério Ceni só fez apostas erradas no são paulo tanto é q n deu certo além do mais queimou o cara q tava marcando gols na época Gilberto artilheiro no banco.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.