Cinco razões que fazem do jogo contra o Cruzeiro o maior desafio de Rogério Ceni como técnico - SPFC.Net

Logotipo

19/4/2017 08:42 - 4962 visitas - Fonte: ESPN

Cinco razões que fazem do jogo contra o Cruzeiro o maior desafio de Rogério Ceni como técnico

Instagram
Rogério Ceni nunca venceu a Copa do Brasil

A busca do São Paulo pelo título inédito da Copa do Brasil terá mais um capítulo nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília). O confronto - talvez o mais difícil da carreira do treinador até agora - será uma prova de fogo para Rogério Ceni, por cinco razões em especial.



É verdade que somente a derrota em pleno Morumbi por 2 a 0 já transformaria o duelo de volta em uma missão complicada, mas não impossível. Porém, quando pisar no gramado do Mineirão, em Belo Horizonte, o time paulista terá pela frente um esquadrão azul celeste praticamente imbatível - pelo menos neste ano.

Cruzeiro está invicto na temporada até agora

O Cruzeiro faz um 2017 dos sonhos. A equipe comandada por Mano Menezes ainda não sofreu nenhuma derrota nesta temporada: foram 21 jogos oficiais, dos quais venceu 16 e empatou cinco. Perder, por enquanto, é algo que não faz parte do vocabulário - ou dos planos - do elenco mineiro.

O São Paulo de Ceni também disputou 21 partidas oficiais neste ano, porém, com aproveitamento bastante abaixo do rival, com 10 vitórias, sete empates e quatro derrotas.

São Paulo não empolga contra grandes

O time simplesmente não engata contra outros grandes do cenário nacional. Desde a chegada do comandante, foram cinco jogos oficiais com as principais equipes do país e, destes, o saldo é realmente desanimador.

O panorama é assim: três derrotas (além da derrota para o Cruzeiro na Copa do Brasil, perdeu por 3 a 0 para o Palmeiras e por 2 a 0 para o Corinthians, ambos pelo Campeonato Paulista), um empate (1 a 1 com o Corinthians, no Estadual) e apenas uma vitória (sobre o Santos, por 3 a 1, também no Paulistão).

Em todos estes duelos o time tricolor marcou apenas quatro gols e, em contrapartida, sofreu nove, mais que o dobro dos tentos anotados.

Defesa organizada

Soma-se a isso a defesa do time mineiro - uma das menos vazadas do país, com 11 gols sofridos em toda a temporada. Para ter chances de conseguir a classificação, o São Paulo precisa marcar, no mínimo, dois gols. Nada absurdo, afinal, esta não seria a primeira vez em que o ataque formado por Luiz Araújo, Lucas Pratto e Christian Cueva encantam o torcedor. Mas não no Cruzeiro.

A meta celeste sofreu dois gols em um mesmo jogo somente uma vez em 2017 - no empate por 2 a 2 com o Uberlândia, válido pela nona rodada do Campeonato Mineiro.
Como se não fosse suficiente, a vitória fora de casa na última quinta-feira pesa, e o retrospecto celeste é bastante convincente neste quesito.

Virada inédita

O Cruzeiro nunca foi eliminado da Copa do Brasil depois de abrir vantagem como a que conseguiu contra o São Paulo no Morumbi.

Em sua história, a equipe venceu por dois ou mais gols em 14 mata-matas da Copa do Brasil, e em todos confirmou a classificação. Quem ficou mais perto da virada foi o Vitória, nas quartas de final de 1998, mas o triunfo por 1 a 0 no segundo jogo não foi o bastante para reverter a derrota por 2 a 0 da ida.

É tetra

O desafio torna-se ainda maior quando o rival é um velho conhecido de Rogério Ceni. É fato indiscutível que como jogador, o treinador tricolor já conquistou todos os títulos possíveis - menos o da Copa do Brasil. E foi justamente o Cruzeiro quem frustrou o sonho do ex-goleiro na final de 2000.

Na ocasião, Marcelinho Paraíba abriu o placar para os paulistas aos 20 minutos do segundo tempo, também no Mineirão. Aos 35, porém, Fábio Júnior balançou as redes guardadas por Ceni, conquistando o empate e, para completar, Geovanni marcou aos 45 do segundo tempo para decretar a vitória - e o terceiro título - do Cruzeiro.

Depois, em 2003, o Cruzeiro venceu pela quarta e última vez a Copa do Brasil (1993, 1996, 2000 e 2003). Tetracampeão e duas vezes vice, é o segundo clube mais vitorioso da competição - perde apenas para o Grêmio, única equipe cinco vezes campeã e atual detentora do título.

Se por um lado o Cruzeiro coleciona troféus do torneio nacional, o São Paulo, por outro, é dono do recorde inverso. Além do Botafogo, é o único grande que nunca foi campeão. O mais longe que cada um chegou foi a decisão, de fato, mas ambos acabaram derrotados - o Botafogo perdeu a final, em 1999, para o Juventude.

O único título que falta na estante de Rogério Ceni é o da Copa do Brasil. A determinação do São Paulo em se redimir pelas duas recentes derrotas diante do torcedor, buscar uma vaga nas oitavas de final do torneio nacional e, ao mesmo tempo, quebrar tabus, será testada no Mineirão nesta quarta-feira, a partir das 19h30 (de Brasília) - assim como a inegável invencibilidade do Cruzeiro.






Comentários (13)

19/04/2017 11:20:32 gangsta  

Foco agora na sulamericana

19/04/2017 10:37:00 lucianoengcomp  

Eu acredito!!!

19/04/2017 10:07:35 Memo  

Vai São Paulo, maquina de fazer títulos

19/04/2017 09:43:22 Elielton Delmiro     

se eles não perderam ainda esse ano vai perde hoje e vai ser eliminado vamos tricolor 3 x 0

19/04/2017 09:22:42 Guilherme Lima      

21 jogos de invencibilidade, grande coisa,campeonato mineiro é cheio de grandes clubes não é? classificando ou não meu orgulho de ser são Paulino nunca vai acabar!

19/04/2017 08:57:07 Ademir Rosa      

No meu módo de ver o São Paulo tem time pra reverter contra o cruzeiro , até porque no jogo passado eu não vi o cruzeiro atacando e bombardeando o tricolor simplesmente tomamos dois gols em fim mais nada , mais o que vale é bola na rede .

19/04/2017 08:55:26 Thiago Sales      

Cheguem lá, partam pra cima e joguem com raça, toda força, suando sangue, com tudo que tem! Dessa forma, mesmo se não classificar ficaremos conformados

19/04/2017 08:51:47 jorge frança      

vai toma no seu cu seu bosta. vc falando e uma vaca ruminando e mesma coisa! eu acredito no meu tricolor! vamos fazer 3 lá e sair classificado no tempo normal! soberano ontem hoje é sempre esse é nosso são Paulo f.c

19/04/2017 08:50:50 Francisco Felix     

fora Rogério

19/04/2017 08:49:19 Luiz Carlos      

eu queria muito que o sao paulo passace o Cruzeiro mas não vai passar não infelismente....com esse time covarde wuectem medo de jogar pra ganhar vamos ter 2 iluminação essa semana.....meu deus

19/04/2017 08:47:52 Tiago Francisco     

nao existe milagre no futebol nao e sim trabalho a longo prazo pagamento de divida pra ter saude financeira e investir com inteligencia... time se reformulou do zero esse ano... nao vem titulo assim mudou presidente comissao tecnica jogadores sao quase 12 da base nao ganha titulo isso o sp de hoje é trabalho pra proximos anos... e so viram titulos se mantiverem mesmo tecnico pagar dividas pra proximos anos ir investindo mais que nem fez o flamengo a alguns anos

19/04/2017 08:45:27 Tiago Francisco     

so ja era cara nao tem titulo esse ano falei começo do ano nao tem investimento so teocou neres pelo pratto olha quanto adversarios investiram caiam na real paulisra e copa do brasil ja era e esse ano nao tem titulos e se botarem rogerio pra fora ficar demitindo tecnico so vai fazer sp piorar tem q manter trabalho esse ano tentar no brasileiro vaga no g7 da libertadores nova e planejar quem sabe pro ano que vem

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.