Capitão de Ceni por um dia, ex-São Paulo enfrenta antigo companheiro e revela mágoa com clube do Morumbi - SPFC.Net

Logotipo

17/2/2017 10:54 - 41553 visitas - Fonte: ESPN

Capitão de Ceni por um dia, ex-São Paulo enfrenta antigo companheiro e revela mágoa com clube do Morumbi

Instagram
Zagueiro Edson Silva foi o capitão do São Paulo contra o Vitória

Foram quatro anos defendendo as cores do São Paulo, uma Copa Sul-Americana no currículo, um vice do Brasileiro, 118 jogos e sete gols. Uma história que deixa o zagueiro Edson Silva, 30, orgullhoso e ao mesmo tempo triste.



"Chateado porque quando sai não vieram falar comigo. Nem para agradecer pelos quatro anos que passei por lá. Por mais que cada um tenha uma opinião, a diretoria que estava naquele momento não falou comigo. Ficar tanto tempo no São Paulo é para poucos. Eu me sinto honrado por ter vivido lá. Me fez ser o Edson Silva que sou. Muita gente fala do Edson Silva que jogou no São Paulo, sou conhecido assim. É uma honra ter feito parte disso. E agradeço demais aos funcionários e amigos que fiz por lá", disse o zagueiro, ao ESPN.com.br.

Neste sábado, o defensor terá a chance de reencontrar o clube no qual viveu o auge da carreira. O Mirassol visitará o São Paulo, no Morumbi, pela quarta rodada do Paulista. E Edson Silva será titular no time sensação da temporada - tem a melhor campanha do torneio, com três vitórias em três jogos e 100% aproveitamento.

Para o zagueiro será um duelo especial não apenas por ser diante do ex-clube, mas porque do outro lado estará Rogério Ceni, antigo companheiro, e que já cedeu a faixa de capitão do São Paulo, aquela que vestiu 982 vezes, a Edson Silva.

"Foi em um jogo contra o Vitória, no Morumbi. Ele achou melhor passar a braçadeira para mim. Ele sempre foi o capitão do São Paulo, está na história do clube por isso. Então, foi uma honra receber a faixa dele. Sempre será o 'Mito' do São Paulo, um baita profissional e que faz jus a tudo que ganhou", exaltou Edson Silva sobre Ceni.

"Esse reencontro com o São Paulo vai ser muito emocionante para mim. Será muito gratificante por ser meu ex-clube e por ser o Rogério. Aprendi a gostar muito do São Paulo. É um clube que te oferece todas as condições de trabalho. Tenho muito carinho, mas na hora do jogo é nosso ganha pão e cada um vai correr para o seu lado. Irei dar um abraço no Rogério, mas quero fazer um grande jogo e vencer a partida".

Lembranças alegres e tristes

Não é apenas da faixa de capitão no duelo contra o Vitória, em 10 de novembro de 2014, em um triunfo por 2 a 1, pelo Campeonato Brasileiro, que o experiente jogador irá se recordar.

"No primeiro ano de São Paulo, em 2012, fomos campeões da Sul-Americana, mas o melhor ano foi 2014. Meu melhor ano individual também. Tive a maior sequência de jogos. Montamos um timaço e fomos vice-campeões do Brasileiro. Só não fomos campeões porque vacilamos contra adversários menores e perdemos pontos que não deveríamos."

A última temporada pelo São Paulo, porém, foi difícil. O time caiu nas oitavas de final da Libertadores, teve boa parte dos jogadores do elenco vendidos no meio do ano e fez um Brasileiro com altos e baixos, chegando a ser goleado por 6 a 1 pelo Corinthians.

"Em 2015, ainda tínhamos um time bom. Mas tivemos problemas. Mesmo assim, ainda conseguimos a vaga na Libertadores. Mas algumas coisas acontecem para a gente ficar mais cascudos e aprendermos."

"Ainda hoje escuto de torcedores que gostavam de me ver jogando. Dizem que eu era um cara muto sério. Se um dia tiver a chance de voltar ao São Paulo eu iria com o maior prazer e de cabeça erguida. Tenho saudades", completou o defensor.

Apelido e risadas

Edson Silva justificou que o motivo que o mais fez ter saudades do São Paulo eram as brincadeiras com os companheiros de time, como Pato e Antônio Carlos.

"No futebol fazemos muitas amizades. E lá foi assim. Eles me chamavam de Cabeção. Eu dava muita risada com eles. Adoro uma resenha. Quem mais pegava no meu pé era o Jadson, que era muito brincalhão. O Pato era muito gente boa. Um outro cara sacana, apelidava todo mundo. A gente se divertia como uma família. A gente passa a maior parte do tempo com os companheiros e precisa ter um bom ambiente."

"Eu sempre fui um jogador de grupo, sendo titular ou sendo reserva sempre fiquei igual. Nunca mudei meu jeito de ser. Esperei por muito tempo na reserva. Eu agarrei minha chance quando apareceu e permaneci na equipe titular por causa do Muricy Ramalho. Ele é um cara muito correto", concluiu o zagueiro do Mirassol.

Começo difícil e escolha pelo São Paulo

Ao falar do São Paulo, Edson Silva acabou relembrando do início de sua vida, na cidade de Palmares, no interior de Pernambuco, até chegar ao clube do Morumbi."Eu gostava de jogar bola. Tive uma infância muito boa, mas meus avós ralaram muito para eu chegar aonde eu cheguei. Eu ajudei meu avô como servente de pedreiro para construir a nossa casa".

Mas o futebol acabou sendo o caminho natural de Edson Silva, que começou a atuar na região onde nasceu.

"Fiz um peneirão na cidade de Palmares para jogar em um time sub-17 no Pernambucano. Passei e fui jogando. Um olheiro me viu e me levou ao Corinthians, de Alagoas, e passei no teste. Joguei a Copa São Paulo de 2004 e outras três edições. Subi ao profissional e fui campeão alagoano. Depois fui ao CRB-AL, em 2007, e joguei uma Série B muito boa. Cheguei ao Botafogo, mas foi uma passagem razoável. Atuei até por Fortaleza, Boavista-RJ, Duque de Caxias e depois fui ao Figueirense."

A ida para o São Paulo foi escolha do zagueiro, que recusou uma proposta para ganhar mais para realizar um sonho próprio e da família."Tinham vários clubes interessados em mim e sempre tive uma vontade de jogar no São Paulo. Os jogadores falavam que era um clube muito bom no Brasil. Falei ao meu empresário e aos dirigentes que era lá onde queria jogar. Tinha o Palmeiras atrás de mim. Tinha o Santos na parada também. Mas eu escolhi o São Paulo", relembrou.

"Muitos falam que jogadores só escolhem aonde vão ganhar mais dinheiro, mas comigo não foi assim. A diferença salarial era pequena, mas optei pelo São Paulo por vontade própria. Não importava o valor, eu sabia que estava indo para um lugar ótimo."




Comentários (28)

17/02/2017 23:56:11 Diel Ferreira     

É pessoal o cara realmente não era

um grande zagueiro mais devemos olhar a pessoa nunca foi igual uns mascarados q tinha no nosso tricolor .

17/02/2017 21:16:36 Dudu Oliveira     

procura uns videos dos gols dele
lembro q o narrador da band falava "edson silva vai da aquele rolezinho na area"

17/02/2017 18:08:37 Ivan Sudário      

cara só dava chutao

17/02/2017 17:26:39 Waldilan Lima Paz     

vc joga muito mas deu azar ... na queda época tinha 3 panela.a do Rogério Ceni.a do ganso e a do Pato mas as turbulência da firetoria... mas muito obrigado e parabéns... vc joga muito e é um excelente profissional...

17/02/2017 14:20:42 Milton Frugillo Filho     

DE GRAÇAS A DEUS POR TER JOGADO NO SÃO PAULO PORQUE É RUIM DE BOLA EMMMMMMMMMM

17/02/2017 13:13:34 geovani soares botelho     

servia só pra almentar a folha de pagamento ruim nao merece jogar em time grande igual o SP

17/02/2017 12:25:10 Genival Bastos     

Não tenho nada contra o Edson Silva mas ele perdeu uma grande chance de ganhar moral com a torcida.Bastava ele quebrar o Dudu quando fez cavalinho nele

17/02/2017 11:59:53 Daniel Liittig Toledo     

O cara não é ruim. Simplesmente é limitado. Quando entrou sempre jogou com vontade e fez até uns golzinhos de cabeça. O problema é que esse era o limite dele. O culpado de ele ter vindo para o São Paulo foi quem o contratou por não analisar direito o jogador.

17/02/2017 11:54:45 Anderson Meira      

Uma das piores contratações do SPFC.

17/02/2017 11:44:48 Marcelo Fonseca      

esse é ruim porque após 3 anos não consegui se firmar, mas também com a cabeça dessa parecendo uma tigela, como pode ser rápido.

17/02/2017 11:25:50 Adriano Barbosa da Silva     

Vamos ser sinceros, o cara era lento e grosso.
Mas tbm merecia respeito pelos dirigentes.
Já nos prejudicou em diversos jogos, só pesquisar aí a galera mais jovem.

17/02/2017 11:19:48 Sidão_  

Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa

Edsão caixa d'água é bom de grupo, gente fina

Era bom custo x benefício

O tal do "Reserva ideal" ... Sem mimimi etc

É tipo o Giba.

Tá ali pra ajudar a hora que for, mas nem de longe com qualidades o suficiente pra titularidade absoluta. Muito menos pra ganhar títulos

17/02/2017 11:14:52 Juvenal_Juvencio_Flex  

O problema do Edson Silva era ser lento. Zagueiro das antigas, pesadão, bom no jogo aéreo. Mas era uma virtude que claramente sabia de suas limitações e por isso jogava o simples. Comprometeu, sim, mas pouco perto do que era criticado. A bem da verdade, falhou pouco porque não inventava moda, mas a fase do SPFC no geral era tão terrível que quanto pior tecnicamente, mais seria crucificado em qualquer oportunidade.

Bom de grupo, jogador comprometido. No modo de dizer, honrou a camisa mesmo não sendo um grande jogador.

Criou menos problema e comprometeu menos do que o Lucão. Esse sim, tinha muito mais recursos mas acho que o que atrapalha mesmo é ter um cérebro do tamanho de um amendoim.

Vida que segue. Obrigado Edson Silva, e entregue uns dois golzinhos no Morumbi em nossa homenagem.

Respostas (1)

17/02/2017 11:22:12 Sidão_   

APARECEU MANO ??? Sumiu!!!??

17/02/2017 11:09:47 02032009  

Muitos falam que jogadores só escolhem aonde vão ganhar mais dinheiro, mas comigo não foi assim. A diferença salarial era pequena, mas optei pelo São Paulo por vontade própria. Não importava o valor, eu sabia que estava indo para um lugar ótimo

Máximo respeito

17/02/2017 11:09:33 Ricardo Souza      

Era ruim e fico 4 anos? Gente boa honrou o manto isso e o que importa. Vamos gritar o nome dele sabado. Vai ser inesquecivel pra ele... Ai alivia pro pratto kkkk

17/02/2017 11:08:45 jean gattuzo     

era boa pessoa mas era grosso de bola.

17/02/2017 11:08:23 Evangivaldo Oliveira de Queiroz Júnior      

so que amanhã eles vão jogar com o São Paulo avisa la em Mirassol ou Mirassolândia pq o bicho vai pegar com todo respeito ao Edson Silva mas não vamos perder

17/02/2017 11:05:37 Ricardo Guirra     

melhor que o lucão e Lucio.

17/02/2017 11:04:49 Dud Sabino     

Por mais qui ele não foi oque todos nós queríamos...
A diretoria foi errada desumilde. Ele pode não ser um bom zagueiro mais força de vontade não faltava nele ih eu provo isso

17/02/2017 11:04:00 Everton Barretta     

Era muuuito ruim.

17/02/2017 11:03:51 Eder Augusto Ferreira     

Com todo respeito. Eu não gostava muito não RS..

17/02/2017 11:00:56 Tricolaço7  

Você que deveria agradecer ao JJ e ao Eduardo Uram...

17/02/2017 11:00:53 Rafa929305  

Edson PAULADA silva

17/02/2017 11:00:11 Bruh Mancini     

Particularmente gostava do futebol dele.
Não fazia graça. Não brincava em serviço.
Mesmo com todas as limitações eu o achava um bom zagueiro...

17/02/2017 10:59:49 Wagner Grzebielucka     

pode considerar que tinha a melhor campanha pq vai levar uma balaiada de gols .

17/02/2017 10:59:22 Marcelo Rodrigues      

por mais que o cara não seja lá essas coisas mais pelo menos merece respeito .

17/02/2017 10:58:09 Educação Física     

era muito grosso, quando entrava só fazia merda, até pênalti .

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.